Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]

BOM GARFO

Na minha cozinha... Simples e experimental... Colorida e divertida... Nascem sabores para degustar, para alegrar a família e os amigos... e para partilhar com quem seja Bom Garfo:)


Terça-feira, 07.03.17

Macarrão com atum, delícias do mar e bróculos

IMG_7921.JPG

Esta massa surgiu assim espontaneamente, num dia daqueles em que não sabia bem o que fazer para o jantar mas não me apetecia nada que desse muito trabalho. Fui juntando ingrediente aqui, ingrediente acolá... e surgiu esta massa que todos gostaram muito. Mais um prato rápido, fácil e saboroso que vamos repetindo...

IMG_7923.JPG

 INGREDIENTES

500 gr de macarrão (= 1 pacote)

1 lata grande de atum

250 gr de lombinhos do mar (= delícias do mar que já vêm desfiadas)

500 ml de béchamel 

200 ml de polpa de tomate

3 dentes de alho

2 alhos franceses

800 gr de bróculos

1 colher de chá de mostarda

vinho branco q.b.

fio de azeite

sal e pimenta q.b.

manjericão e coentros q.b.

* uma mão de queijo ralado (usei mozzarella)

IMG_7922.JPG

 PREPARAÇÃO

Coza os bróculos, escorra e reserve.

Leve ao lume, numa frigideira com um fio de azeite, os alhos picados e os alhos franceses partidos em finas rodelas. Deixe alourar. Tempere com sal e pimenta. Acrescente vinho branco e deixe evaporar a maior parte. Junte a mostarda, mexa bem. Depois, adicione o béchamel e a polpa de tomate e incorpore tudo muito bem. 

Entretanto, coza a massa al dente. Escorra e acrescente a massa à frigideira do molho. Misture tudo muito bem. Ligue o lume por mais 1 ou 2 minutos. Junte o atum desfiado, os lombinhos do mar e polvilhe com as ervas. Por último, adicione os bróculos... Salpique com o queijo. E já está!

IMG_7924.JPG

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

por Bom Garfo

Quarta-feira, 13.01.16

Esparguete com bolonhesa de atum

IMG_4444.JPG

Este esparguete tem uma história engraçada. Vou contar-vos... Há uns tempos atrás, estive envolvida num projecto de organização de um evento de Moda & Arte. Tratava-se de uma festa de lançamento de um site, que contava com passagem de modelos de senhoras, adolescentes e crianças (eram cerca de 40) e de uma exposição de Pintura e Escultura de cerca de 20 artistas, além de apresentação de músicos ao vivo e de contribuições de solidariedade. Eu fui convidada por uma pintora minha conhecida (a proprietária do site) para a ajudar em todas as vertentes, desde a seleção de obras de arte e artistas, à parte editorial e de relações públicas do site e da festa... até mesmo ao ensaio dos modelos! Foi uma loucura completa, em menos de 1 mês arranjámos local para o evento, patrocínios, modelos, artistas... E? E nessa época, ela vinha trabalhar para minha casa comigo e saía daqui de madrugada, pelo que jantava cá várias vezes. Algumas, até trouxe os dois filhotes... Mas, na realidade, nem sempre o jantar estava previsto... Então, numa das vezes, olhei para o frigorífico e para os armários e dei comigo a pensar no que podia fazer, assim de repente, que desse para 8 pessoas... E fui adicionando ingrediente daqui e ingrediente d'acolá para ajudar a "encher"! E surgiu este prato que ela adorou, pediu-me logo a receita e que ficou - sem sombra de dúvidas - para sempre na ementa da casa. Foi uma época divertida e agitada. Sempre simpatizei com a tal pintora mas depois de trabalharmos tão próximas e de tantas criações culinárias que serviram para nos ajudar a alimentar em horas a fio de trabalho, ganhei mesmo uma nova amiga!

IMG_4259.JPG

INGREDIENTES para 6 PESSOAS

500 gr de esparguete

1 frasco de azeitonas verdes recheadas de pimento

1 lata grande de atum de conserva

1 ou 2 latas de cogumelos laminados

130 gr de tiras ou cubos de bacon fumado

1/3 de pimento vermelho

1 cebola grande

4 dentes de alho

300 ml de polpa de tomate

azeite e vinho branco q.b.

coentros frescos q.b.

manjericão (fresco ou em especiaria) q.b.

orégãos e pimenta q.b.

sal q.b. ou 1 caldo knorr de galinha

IMG_4256.JPG

PREPARAÇÃO

Comece por preparar o "recheio"... Leve ao lume, numa frigideira grande, o bacon com um pequenino fio de azeite, até ficar razoavelmente crocante.  Acrescente os cogumelos laminados, os alhos, a cebola e o pimento picado. Junte um pouco mais de azeite, bem como o sal ou o caldo knorr. Mexa bem e deixe alourar. Entretanto, corte as azeitonas às rodelas e reserve. Pode começar a fazer o esparguete numa panela com água a ferver e sal.

Volte ao recheio... acrescentando o vinho branco. Deixe reduzir um pouco e adicione a polpa de tomate e as especiarias secas. Envolva tudo e deixe cozinhar 2 ou 3 minutos. 

Assim que o esparguete estiver al dente, apague o lume e acabe o recheio.

Então, de volta à frigideira, junte o atum desfiado em pedaços médios (porque ele coze no molho e desfaz-se rapidamente), as rodelas de azeitonas e as ervas frecas picadas. Mexa tudo.

Escorra o esparguete e, depois, verta-lhe o recheio por cima.

Autoria e outros dados (tags, etc)

por Bom Garfo

Segunda-feira, 28.07.14

Quiche de atum e alho francês

Mais uma quiche! A mesma forma com outro sabor.

Com o Verão é óptimo ter uma refeição rápida preparada... Pode fazer-se com alguma antecedência, colocar no frigorífico (porque leva ovos e é suposto estar calor)... Chega-se da praia... basta preparar uma saladita e zás! Despachadito!

Além disso, ultimamente tenho feito várias para as festas de anos dos filhotes (que são lanches ajantarados) e as quiches desaparecem!

 

INGREDIENTES

1 pacote de massa quebrada de compra

2 latas pequenas de atum

3 alhos franceses

6 ovos

2 pacotes de natas

sal e orégãos q.b.

coentros e cebolinho frescos q.b.

 

PREPARAÇÃO

Retire o pacote de massa de compra do frigorífico e espere 15 a 20 minutos. Desembale. Forre uma tarteira jeitosa e altinha com a massa. Pique toda a base com um garfo. À parte, numa tigela, deite os 6 ovos e bata. Adicione as natas e volte a bater bem. Acrescente o alho francês partido às rodelas fininhas e com as mãos, tente soltar a maior parte das rodelinhas, por forma a ficar com um maior número delas mas menos cheias. Envolva, tempere com orégãos e coentros a gosto e com pouco sal (não esqueça que o atum já é um pouco salgado). 

À parte, retire o atum das latas (escorrido) para um prato. Com uma faca, desfaça-o em pedaços pequenos. Depois, junte-o ao preparado. Mexa para envolver tudo.

Verta o preprado na tarteira. Polvilhe com cebolinho fresco bem picadinho.

Sirva-se da altura com que o preparado encheu a forma para, com a ajuda de uma faca, aparar a toda a volta a massa em excesso. Afinal, fica feio vermos, depois de pronta, a tarte com massa por preencher:)

Coloque em forno pré-aquecido e vá vigiando a cozedura até ficar com textura e aspectro de cozinhada. Prontinha!

 

NOTA: Quando me lembrei de tirar a fotografia já a quiche ia quase a meio!

Autoria e outros dados (tags, etc)

por Bom Garfo

Quinta-feira, 08.05.14

Salada de atum e feijão frade

As saladas são sempre uma surpresa agradável. Servem como prato principal e como entrada. Confesso que as prefiro em tempo mais quente, como prato.  Fresquinhas, rápidas de preparar, depois de vir da praia (por exemplo)... Esta é um clássico de salada de atum e feijão frade. Uma salada um pouco mais "pesadinha", por causa do feijão, pelo que também funciona como entrada (em quantidade pequena) para uma refeição de inverno.  Sempre saborosa e nutritiva...

 

INGREDIENTES

2 latas grandes de feijão frade cozido

1 lata grande de atum

3 ovos cozidos

1 cebola

azeite q.b.

vinagre q.b. (para quem gostar, eu gosto)

1 raminho de coentros frescos

 

PREPARAÇÃO

Abrir as latas de feijão, escorrer bem. Colocar o feijão num pirex grande (onde pensa vir a servir a salada).

Abrir a lata de atum, escorrer bem. Deitar o atum num prato e com a ajuda de uma faca, esmigalha-lo em pedacinhos. Verter por cima do feijão.

Cozer os ovos. Depois de cozidos e descascados, parti-los às rodelas ou aos bocados (como preferir) directamente para cima do atum.

Picar a cebola e polvilhar a salada. Proceder do mesmo modo com os coentros.

Temperar com azeite e vinagre. Se quiser, enfeite com azeitonas pretas. 

Prontinha a servir!

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

por Bom Garfo

Sábado, 08.02.14

Bifes de atum de cebolada

 

 

Quando há uns anos fui ao Funchal (ilha da Madeira) e provei os tão afamados bifes de atum madeirenses rendi-me completamente. Depois, experimentei alguns por cá, por Portugal Continental, e confesso que apenas achei aceitável outro que comi no Algarve. Os restantes - ou pela qualidade do atum ou pelo tempero - não me cativaram.

Há uns tempos atrás, na peixaria do Pingo Doce, encontrei um lombo de atum fresco tão bonitinho e bem rosadinho a olhar para mim... Decidi trazê-lo para casa e fazer eu própria uns bifinhos de atum de cebolada. Pesquisei várias receitas e depois de ter uma ideia do necessário, fiz assim...

 

INGREDIENTES PARA 4 ou 5 PESSOAS

4 ou 5 bifes de atum (convém que tenha uma cor bem rosada e os bifes com uma altura próxima a 1 dedo)

4 cebolas médias

4 tomates médios

1/2 pimento encarnado

polpa de tomate q.b

2 colheres de ketchup

2 limões 

1 raminho de coentros

azeite, sal, pimenta e alhos q.b

azeitonas pretas q.b

 

PREPARAÇÃO

Comece por temperar os bifes de atum dos dois lados com alho partido às rodelas, sal e pimenta. Regue-os abundantemente em sumo de limão, ajuda a suavizar o sabor do atum. Deixe-os marinar pelo menos 1 hora.

Entretanto, parta as cebolas às meias luas, pele e pique os tomates e pique o pimento para uma tigela. Assim, vai adiantando trabalho.

Depois daquele tempo, leve uma frigideira ao lume com azeite (eu gosto de ser generosa na quantidade do azeite). Quando este estiver bem quente, passe os bifes de atum dos dois lados por ele, não demorando mais do que 8 minutos nessa tarefa. Basta ganharem cor e não ficarem crus. Verta a marinada na frigideira. Coloque os bifes de atum num pirex ou travessa onde pensa servi-los.

Agora, a tigela com a cebola, o tomate e o pimento... Coloque-os na frigideira (que já tinha o azeite e a marinada dos bifes de atum). Deixe alourar e junte a polpa de tomate e o ketchup. Quando tudo estiver bem translúcido, com aquele aspecto de cebolada, pique generosamente um raminho de coentros e polvilhe. Mexa. Retire do lume. Verta em cima dos bifes de atum, vai aquecê-los. E salpique com azeitonas pretas pratidas às rodelas ou inteiras.

Acompanhe com  batata frita em palitos e salada.

Bom apetite! 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

por Bom Garfo

Sexta-feira, 07.02.14

Paté de atum à minha moda

 

Esta receita de paté rende bastante (2 tigelas) e é frequente cá por casa sempre que há jantares com amigos, festas e... quando nos apetece um miminho extra. Às vezes, no Verão, para barrar umas sandes que se enriquecem com uma folha de alface e uma rodela de tomate, também se faz:) Mas de tempos a tempos, pois a maionese em excesso não é saudável. E surgiu porque todos gostamos de atum, de maionese... e os patés comprados não satisfazem o paladar.

A olho (como o músico que toca uma melodia por ouvido) fui magicando, atum, maionese, natas (que já retirei da receita), pimenta, manjericão, orégãos, alho em pó (facultativo), azeite... Depois, vieram as azeitonas pretas... Enfim, depois de várias experiências, ficou aprovada por unanimidade e com sêlo de garantia da aprovação apurada da filha mais crescida a seguinte...

 

INGREDIENTES

2 a 3 latas pequenas de atum (consoante gostem com sabor mais intenso ou não)

1 frasco de maionese de 400 ml (uso Calvé, normalmente sempre é menos calórica do que a de adorar a Vianesa de azeite)

1 raminho de coentros frescos picados

1 mão cheia de azeitonas pretas descaroçadas e partidas às rodelas (corta o sabor enjoativo e já se compra em frascos)

1 colher de chá de azeite

pimenta, orégãos e manjericão (especiarias) a gosto

 

PREPARAÇÃO

Numa tigela colocar o atum previamente escorrido e partido grosseiramente com a maionese, os coentros, a colherzinha de azeite e as azeitonas. Passar com a varinha mágica.  Provar para ver se está a gosto (em termos de azeitonas) e adicionar as especiarias. Passar novamente. 

Colocar nas tigelas. Está pronto a servir. 

Pessoalmente, gosto de barrá-lo em mini tostas e de colocar por cima uma rodelinha de azeitona em cada tosta. Além de ficar bonito ainda lhe confere um sabor mais interessante pela junção de texturas.

Autoria e outros dados (tags, etc)

por Bom Garfo

Bons Garfos que me visitaram

Hit Counters
HTML Hit Counter


Mais sobre mim

foto do autor


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Pesquisar

Pesquisar no Blog  

Top blogs de receitas


Bons Garfos que fiz

  •  
  • APRESENTAÇÃO DA MINHA COZINHA...

  •  
  • Bolos

  •  
  • Bolos de tabuleiro

  •  
  • Doces de colher

  •  
  • Outros Doces

  •  
  • Quiches & Similares

  •  
  • Saladas

  •  
  • Entradas & Petiscos

  •  
  • Sopas

  •  
  • Carnes

  •  
  • Peixes

  •  
  • Mariscos

  •  
  • Moluscos

  •  
  • Outros pratos

  •  
  •  
  • Acompanhamentos

  •  
  • Receitas + saudáveis (menos calóricas)

  •  
  • Idéias Rápidas

  •  
  • Sugestões de decoração

  •  
  • Curiosidades sobre...

  •  
  • Para meter o garfo e a colher...

  •  
  •  
  •  
  •  
  • OUTRAS COZINHAS QUE VISITO

  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  • MAIS SOBRE MIM (PINTURA)



    Bons garfos cá por casa


    My Stick Family from WiddlyTinks.com