Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]

BOM GARFO

Na minha cozinha... Simples e experimental... Colorida e divertida... Nascem sabores para degustar, para alegrar a família e os amigos... e para partilhar com quem seja Bom Garfo:)


Sábado, 11.02.17

Muffins com mirtilos e framboesas

IMG_7968.JPG

Hoje trago-vos a receita de uns muffins super saborosos, leves, frutados e não demasiado doces: os muffins (ou queques) de mirtilos e framboesas! São óptimos no Inverno, no Verão, em todas as estações. Acompanham na perfeição um café, um chá. Servem para o lanche ou como um miminho depois da refeição (sobremesa)...

Cá por casa, os filhotes são apaixonados por queques de chocolate e de manteiga de amendoim mas decidi fazer-lhes uns menos doces e com fruta... estes! E eles adoraram! Acho até que ficaram surpreendidos com eles próprios por terem gostado tanto. As frutas fazem-nos húmidos... São bonitos, coloridos por dentro, e macios. Resumindo, todos rendidos a estes muffins tão simples que se bastam a si mesmo sem necessidade de cremes, de crumbles... :)

IMG_7971.JPG

INGREDIENTES

140g de açúcar mascavado

180g de farinha com fermento

1,5 colher de chá de fermento em pó

1 dl de óleo 

1 dl de leite

2  ovos grandes

1 colher de chá de baunilha

3 colheres de sopa de farinha de amêndoa

1,5 chávena de chá de mirtilos e framboesas frescos

1 pitada de sal

açúcar em pó para polvilhar 

IMG_7972.JPG

PREPARAÇÃO

A receita dá para 12 muffins.

Pré-aqueça o forno a 190ºC. Disponha as forminhas de papel numa forma própria para queques/muffins/cupcakes. Reúna os ingredientes secos (farinha, fermento, açúcar e amêndoa) numa tigela. Noutra, junte os ingredientes líquidos: o óleo, o leite, os ovos e a baunilha, batendo tudo muito bem. Depois de misturar igualmente bem os pós dos secos, abra uma espécie de buraco no meio deles e introduza os líquidos, envolvendo tudo muito bem com uma colher. Por último, adicione os mirtilos e framboesas e volte a incorporar tudo. Tente equilibrar o número de frutos por forminha, por exemplo 3 ou 4 mirtilos com 1 ou 2 framboesas por forminha. Coloque a massa nas formas mas sem ocupar toda a altura, deixe 1 dedo. Leve ao forno durante cerca de 20 minutos ou até estarem visivelmente cozidos.

Depois de arrefecidos, polvilhe os muffins/queques com açúcar em pó.

IMG_7969.JPG

IMG_7970.JPGIMG_7976.JPG

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

por Bom Garfo

Sexta-feira, 10.02.17

Cupcakes de manteiga de amendoim

unnamed (17).jpg

Cá por casa apenas os elementos masculinos (pai e filho) apreciam manteiga de amendoim ao natural mas em bolinhos e doces todos gostamos muito (eu e filhas incluídas)!

E aqui fica mais uma receita com sabor a manteiga de amendoim e aos USA... 

São muito saborosos:)

unnamed (15).jpg

INGREDIENTES

Para a massa:

4 colheres de sopa de manteiga à temperatura ambiente

1 +1/4 de chávena de açúcar mascavado

1/3 de chávena de manteiga de amendoim

2 ovos

1+ 1/2 de chávena de farinha

1/3 de chávena de leite

2 colheres de sopa de fermento em pó

Para a cobertura:

1 embalagem de queijo-creme (usei Filadelphia)

!/2 chávena de açúcar em pó

2 a 3 colheres de sopa de manteiga de amendoim (consoante o gosto)

unnamed (14).jpg

PREPARAÇÃO

Bater a manteiga com o açúcar até obter um creme macio. Juntar os ovos, um a um, e bater entre cada adição. Depois, adicionar a manteiga de amendoim e voltar a bater. De seguida, acrescentar a farinha com o fermento e incorporar bem, mas sem mexer demasiado (para que fiquem fôfos).

Levar nas forminhas próprias forradas com as caixinhas de papel ao forno, previamente aquecido, a 170cº., por cerca de 25 minutos.

Entretanto, faça a cobertura... Bata o queijo creme e adicione o açúcar, a manteiga de amendoim e a baunilha. Bata até obter um creme fôfo. Reserve no frigorífico.

Depois dos cupcakes estarem cozidos e terem arrefecido estão prontos a receber a cobertura. Tanto pode colocar uma colherada de creme e fazer alguns riscos com o cabo da mesma, como pode usar um saco de pasteleiro e bico para os enfeitar...

Autoria e outros dados (tags, etc)

por Bom Garfo

Sexta-feira, 27.01.17

Beijinhos da sogra

IMG_7925.JPG

 Beijinhos da sogra! Que docinhos com memória!

Acredito, honestamente, que fizeram as delícias de muitas crianças nos anos 80. A minha madrinha fazia sempre estes bolinhos para as minhas festas de anos. O que significa que todos os anos, em Maio, pelo menos até 1991 havia Beijinhos da sogra no meu aniversário. Depois, as festas de anos com os amiguinhos numa bela tarde, aconchegadas por um faustoso lanchinho, foram mudando de formato, passando a jantares... Mas de tempos a tempos, a madrinha lá os fazia em dias de sábado ou domingo para matar as saudades...

Colocados em caixinhas de papel ficam lindos numa mesa de festa.

Têm a sofisticação da simplicidade. Um sabor doce e bom a café, azeite e canela. E para mim, claro, ainda são polvilhados com lembranças felizes da minha infância.

Ainda os faço. Os filhotes também gostam muito. Desta vez, até foi a filhota mais nova que me pediu, "estava com saudades". Pois é, acho que estes beijinhos da sogra têm essa capacidade: a de provocar saudades a quem os provou!

IMG_7927.JPG

INGREDIENTES 

Para um tabuleiro de 25 cm x 30 cm

4 ovos

500 gr de açúcar

2 dl de azeite

1,5 dl de café forte (sem açúcar)

1 colher de chá de fermento em pó

1,5 colher de chá de canela em pó

400 gr de farinha

manteiga q.b. para untar o tabuleiro

 

Para um tabuleiro de 37 cm x 29 cm (que é onde os costumo fazer)

5 ovos

550 gr de açúcar

2,5 dl de azeite

1,75 dl de café forte (sem açúcar)

1 colher de chá muito cheia de fermento em pó

2 colheres de chá de canela em pó

500 gr de farinha

manteiga q.b. para untar o tabuleiro

IMG_7928.JPG

PREPARAÇÃO

Num recipiente, mexa muito bem as gemas e o açúcar. Em seguida, junte-lhes o azeite, o café e a canela. Bata até obter um creme liso.

À parte, bata as claras em castelo com uma pitada de açúcar. Misture ao batido inicial a farinha com o fermento em pó e as claras alternadamente, aos poucos. Vá mexendo sempre. Ligue tudo cuidadosamente.

Unte abundantemente o tabuleiro com manteiga (ou com spray, ultimamento uso muito o spray), forre-o com papel vegetal e unte este também. Verta-lhe o preparado e leve ao forno bastante quente por 30 a 40 minutos, ou até cozer.

Retire e vire o tabuleiro sobre a mesa. Deixe arrefecer um pouco e, depois, com uma faca serrilhada  e bem afiada, corte os contornos ou bordos (coma-os se quiser mas deixe só o "miolo" do bolo à vista, é mais bonito e macio). Por fim, corte o bolo em vários pequenos quadrados. São óptimos para acompanhar um café ou chá.

E se tiver uma festa, por exemplo, coloque cada quadradinho dentro de uma forminha de papel e polvilhe com açúcar.

NOTA: A receita do tabuleiro maior rendeu-me mais de dois pratos grandes de servir cheios de bolinhos!

IMG_7926.JPG

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

por Bom Garfo

Quarta-feira, 16.04.14

Quadradinhos de manteiga de amendoim e chocolate

Hoje, receita americana... :) E quem nunca ouviu falar em "manteiga de amendoim"? E na sua perfeita combinação com o chocolate?! Pois é, passamos a vida a ouvir falar destes ingredientes nos filmes americanos. Quando fui ao Canadá, a Toronto, (o mais perto que estive dos EUA), procurei logo por chocolates com manteiga de amendoim. São óptimos, sim senhora! Por cá, não temos o hábito da manteiga de amendoim mas já se encontra em qualquer supermercado há bastante tempo. 

Entretanto, surgiram várias receitas pela net de barras ou quadrados de manteiga de amendoim com chocolate e tive que experimentar, até porque tenho a mania de bolinhos de tabuleiro que se cortem em quadradinhos pequenos. Nas receitas americanas, estes são sempre feitos com bolachas Graham, que não existem por cá. Pelo que li são umas crackers com ligeiro aroma a canela. Depois, há receitas com manteiga de amendoim simples, cremosa, e outras com manteiga crocante, que traz uns pedacinhos notórios de amendoim. Assim, decidi usar as duas...

Portanto, fiz umas adaptações. Mas resultaram muito bem. A base da receita, aproveitei do blog Quanto Mais Quente Melhor, mas com as tais alterações baseadas nas receitas americanas que li.

 

INGREDIENTES para um tabuleiro grande (cerca de 25 a 30 quadrados)

1 + 1/2 chávena de chá de açúcar

1 + 1/2 chávena de açúcar mascavado

1 + 1/2 chávena de manteiga de amendoim (usei 1 de manteiga de amendoim cremosa e meia de manteiga de amendoim crocante)

1 chávena de farinha

1 chávena de bolacha maria picada

170 gr de manteiga

2 colheres de sopa de óleo

2 ovos

2 claras

2 colheres de chá de fermento em pó

1/2 colher de chá de sal

1 colher de chá de canela

umas gotinhas de essência de baunilha

Para a cobertura:

300 gr de chocolate de culinária (dá 1 tablete e meia)

1/3 de pacote de natas

 

PREPARAÇÃO

Pré-aquecer o forno, a 180ºC.  Untar um tabuleiro grande com manteiga e forrá-lo com papel vegetal, igualmente untado.

Numa tigela, bater açúcar com óleo e manteiga amolecida, até obter um creme homogéneo. Adicionar a(s) manteiga(s) de amendoim e misturar muito bem. De seguida, acrescente pos ovos e as claras. Volte a bater. Acrescentar a farinha, o fermento e o sal. Bater muito bem.  Acrescentar a bolacha. Mexer energicamente. Por fim, acrescentar a canela e a essência de baunilha (tipo 1 colher de chá de cada) e voltar a envolver. Aviso que a massa é grossa, é mesmo assim.

Depois, verter a massa no tabuleiro, espalhando-a uniformemente. E levar ao forno.

Está pronta quando o palito sair seco, talvez uns 40 minutos... Convém que esteja apenas dourada e ainda fofa. Não deixe cozer demais, para tal vá vigiando.

Deixe o bolo arrefecer e desenforme. Eu desenformei-o para a mesa da bancada (limpa).

Entretanto, faça a cobertura de chocolate, que é super rápida.

Basta partir o chocolate aos quadradinhos e juntamente com um pouco de natas (ou leite, se preferir), levar a derreter em lume brando. Vá mexendo. Assim que esteja derretido, brilhante, retire do lume. Deixe amornar um pouquinho (uns 3 minutos) e verta (ainda quente) sobre o bolo. Barre toda a superfície do topo com a ajuda de uma espátula. Deixe arrefecer para que solidifique. Só, após isso, deverá cortar os quadrados com uma faca. faça-o com algum cuidado, para que o chocolate não se espalhe (apesar dele estar semi-sólido).

E bom proveito!

 

DICA: Se quiser servir numa festa, coloque cada quadradinho numa forminha de papel.

Autoria e outros dados (tags, etc)

por Bom Garfo

Sexta-feira, 21.03.14

Tabuleiro de bolinhos de abóbora

Já devem ter percebido que bolinhos de tabuleiro são comigo! Amo! Acho que são bonitos, mimosos, e parecem "pecados menores", além de serem polivalentes. Afinal, servem para festas, para simples chás ou "sobremesas a acompanhar o cafézito depois da refeição"... E, são, também uma gulodice! Ah, pois! Às vezes, com a mania de que como são pequeninos se está a comer menos vamos comendo mais um, mais outro e... quase que lhes perdemos a conta:) Estes, são simples, de abóbora, fôfos e fazem parte das receitas que se repetem. Além disso, por estas bandas, doces de cenoura e de abóbora são muito bem vindos! Que tal experimentar fazê-los neste fim de semana?! O tempo andava tão simpático, veio a Primavera e arrefeceu. Neste preciso momento, ouço as gotinhas da chuva a cair lá fora! Uns bolinhos para aconchegar a alma? :)

 

 

 

INGREDIENTES (para um tabuleiro grande)

cerca de 1kg de abóbora descascada, crua e cortada aos cubos 

2 chávenas de chá de óleo

6 ovos

3 chávenas de chá de açúcar mascavado

1 chávena de chá de açúcar normal

3,5 chávenas de chá de farinha de trigo com fermento

1 colher de sopa de fermento em pó

Noz moscada, gengibre e canela em pó a gosto

umas gotinhas (a gosto) de essência de baunilha

 

PREPARAÇÃO

Semi-cozer previamente a abóbora. Reservar.

Bater os ovos, o açúcar e o óleo. Adicionar a abóbora (bem escorrida) e bater bem até obter uma massa homogénea. Depois, juntar a farinha e o fermento em pó e mexer bem. Levar ao forno (pré-aquecido) num tabuleiro untado com manteiga e forrado com papel vegetal (igualmente untado), a uma temperatura média, durante, talvez uns 45 minutos. Não gosto muito de dar tempos de cozedura porque, pelo menos no meu caso, raramente batem certo com o que vem nas receitas... ou é do meu forno ou... não sei... Portanto, este tabuleiro estará cozido quando fizerem o teste do palito e sair sequinho. Não deixe que cozam demais, para se manterem fofinhos. Estes bolinhos são óptimos para um lanche, acompanhados de um café ou chá... ou até de um chocolate quente... E vão saber muito bem neste fim de semana, agora que o mau tempo parece ter regressado...

Autoria e outros dados (tags, etc)

por Bom Garfo

Quinta-feira, 20.02.14

Tabuleiro de bolinhos de cenoura e noz

 

Estes bolinhos de cenoura e noz são ultra fofinhos e deliciosos! Comem-se gulosamente. Diria até que são viciantes... Se quiser que fiquem ainda mais leves pode fazê-los sem a noz, mas a receita completa é mesmo para experimentar! Acompanham maravilhosamente um café ou chá.

 

INGREDIENTES

450/500 gr de cenoura descascada

100 gr de miolo de noz

6 ovos

300 gr de açúcar

2 dl de óleo

350 gr de farinha

1 colher de sopa de canela em pó

1 colher de sobremesa de fermento em pó

acúçar em pó para polvilhar

PREPARAÇÃO

Pré-aquecer o forno a 180ºC. Untar um tabuleiro grande, forrá-lo com papel vegetal e untá-lo novamente. Reservar.

Descascar as cenouras, fervê-las 6 minutos e pica-las. Picar grosseiramente as nozes, colocar na tigela das cenouras e reservar.

Numa tigela, bater os ovos e o açúcar até ficar uma massa fofa e esbranquiçada. Sem parar de bater, juntar o óleo em fio e envolver muito bem. Acrescentar a farinha, o fermento e a canela. Ir batendo entre cada adição até a massa ficar homogénea. Por último, juntar as nozes e a cenoura. Bater bem até a mistura estar uniforme. Verter no tabuleiro e levar ao forno cerca de 45 minutos. Verificar a cozedura e retirar depois do teste do palito (quando o palito sair limpo).

Deixar arrefecer. Desenformar. Polvilhar com o açúcar em pó e cortar aos quadradinhos.

Autoria e outros dados (tags, etc)

por Bom Garfo

Quarta-feira, 19.02.14

Bolinhos de baunilha com cobertura de doce de leite

 

Estes bolinhos são deliciosos, de verdade! Super simples, fofos, saborosos, fazem-se num piscar de olhos... sem necessidade de pesar ingredientes na balança e/ou de bater claras em castelo... E depois, depois (além de uma boa massa) o segredo está na cobertura, que lhes confere toda a graça! Rendem bastante: um tabuleiro grande. Podem ser cortados às fatias, em mini-fatias ou em quadrados. São excelentes para quando quer fazer um docinho mas sem gastar muito e sem perder muito tempo na cozinha. E o melhor é que ficam com um aspecto óptimo (claro, além do sabor)! Como algo simples pode tornar-se em algo mais além...

 

INGREDIENTES

Massa:

3 ovos

3 chávenas de chá de açúcar

1 chávena de chá de óleo

3 chávenas de chá de farinha

1 chávena de chá de leite (ou se achar que precisa, mais um pouquinho)

1 colher de sopa de fermento

essência de baunilha q.b.  (a gosto)

Cobertura:

1 lata de leite condensado cozido

meio pacote de natas (100 ml)

manteiga para untar a forma q. b.

 

PREPARAÇÃO

Unte uma forma rectangular grande (26 cm) com manteiga, forre-a com papel vegetal igualmente untado.. Pré-aqueça o forno a uma temperatura média.

Bata os ovos inteiros com o açúcar e depois junte o óleo. Mexa muito bem. Adicione por ordem o leite, a farinha, a essência de baunilha e o fermento. Vá batendo sempre. 

Verta na forma  e leve ao forno. Precisei de cerca de 50 minutos, mas penso que o meu forno é lento, porque de onde retirei a receita diziam cerca de 40 minutos. Portanto, o melhor é ir vendo.... Está bom quando espetar um palito e sair limpinho. Fica fofinho. 

Retire do forno e deixe arrefecer uns 10 minutos no máximo. Pique o bolo todo com um palito. Desenforme.

Entretanto, prepare a cobertura. Dissolva o leite condensado com as natas, em lume brando.

De seguida, verta por cima do bolo.

Deixe arrefecer para cortar às fatias ou aos quadrados. Prontinho!



Autoria e outros dados (tags, etc)

por Bom Garfo

Domingo, 09.02.14

Tabuleiro de bolinhos aqueijadados de fubá

 

 

Experiência nova: bolinhos de fubá! Estava fartinha de ouvir falar em "fubá" e confesso que sempre achei a palavra encantadora. Porém, às vezes os nomes dos ingredientes em português do Brasil e em português de Portugal deixam-me confusa. Isto, para já não falar que noutras vezes até é pior, já que nem sempre se encontram os produtos facilmente. Hoje em dia, já há muito mais informação, começando pela internet e é muito fácil descobrir o significado dos nomes das coisas. E, claro, além de também se encontrar uma variedade cada vez maior de produtos de diversas nacionalidades à venda. Ora, o famoso "fubá" é, nada mais nada menos, do que farinha de milho!!!  E não sei porquê, agrada-me a cor (mais amarelinha) da dita cuja:) E parece que está na moda fazer bolo de fubá, a julgar pelo mar de receitas que se encontram... Não gosto de modas mas desta vez rendi-me e lá fui experimentar. Os bolinhos sairam óptimos, apesar de achar que, provavelmente, devia tê-los tirado mais cedo do forno para ainda ficarem com mais textura de queijada. Não são muito doces e acho que combinam perfeitamente com um café ou com um cházinho! Fiz algumas alterações mínimas à receita que retirei do blog Pecado da Gula. Escolhi esta por ter leite de côco e leite condensado. Mas não ficarei por aqui, tenho mais umas duas receitas diferentes que ainda irei testar. Ah, e decidi partir o bolo (que é de tabuleiro) em quadradinhos pequenos... Eu adorei, o marido também... a filhota mais pequena assim assim e a maior e o do meio nem por isso, mas porque não apreciam o sabor do côco...

 

INGREDIENTES

1 lata de leite condensado

Meio litro de leite 

300 ml de leite de coco (embora a receita recomendasse 200 ml)

3 ovos grandes

120 g de queijo mozarela ralado (a receita dizia 100 g de queijo parmesão mas não gosto muito do sabor intenso desse queijo por isso substitui)

2 colheres de sopa de manteiga (usei Matinal magra)

360 g de fubá (equivalente a 1 e 1/2 chávena)

360 g de açúcar (equivalente a 1 e 1/2 chávena)

100 g de coco ralado seco

1 colher de sopa de fermento em pó

coco ralado q.b. para polvilhar no fim

 

PREPARAÇÃO

Pré-aqueça o forno a 200 ºC. Unte um tabuleiro grande com manteiga, forre com papel vegetal igualmente untado e polvilhado com fubá.

Coloque todos os ingredientes no liquidificador, menos o fermento e o coco ralado. Bata depressa. De seguida, junte o fermento e volte a bater. O meu liquidificador não dá para tanta quantidade, pelo que dividi a receita ao meio e bati em duas vezes. Depois, verta todo o preparado para uma tigela. Adicione o coco e mexa bem tudo com a colher de pau. Deite no tabuleiro e leve ao forno por cerca de 45 minutos. A receita original dizia 30 mas com esse tempo no meu forno ainda estava demasiado líquido. Contudo, devia ter deixado uns 38 ou 40 minutos apenas, teria sido o ideal. A superfície tem que estar clarinha!  

Deixe amornar. Desenforme. Polvilhe com coco ralado. Corte aos quadradinhos.

E está pronto a provar!

Autoria e outros dados (tags, etc)

por Bom Garfo

Terça-feira, 28.01.14

Brigadeiros de Chocolate

 

Os brigadeiros de chocolate são dos docinhos mais apreciados pelas crianças e pelos amantes de chocolate. Podem ser feitos de várias maneiras. Pessoalmente, há uns anos descobri esta receita e adoptei-a para sempre. Porque os brigadeiros saem com uma textura que se derrete na boca e não se tornam enjoativos por saberem demasiado a chocolate. Cá em casa, por exemplo, nunca faltam nas mesas de festa e às vezes até são feitos a pedido de amigos gulosos:)

 

INGREDIENTES 

(dobrei a receita, assim dá para cerca de 22)

 

2 latas de leite condensado;

1 colher de chá de manteiga;

3 colheres de sopa de chocolate em pó não muito cheias;

3 colheres de sopa de cacau em pó não muito cheias;

granulado de chocolate q.b.

 

PREPARAÇÃO

Numa caçarola ou tachinho, levar ao lume o leite condensado, a manteiga,  e o chocolate e o cacau em pó previamente misturados. Deixar em lume brando, ir mexendo sempre até fazer ponto de estrada (que é quando passa com a colher de pau pelo meio da massa e parece que traça uma estrada). Depois, retirar e verter a massa para um prato até arrefecer.

Deitar o granulado de chocolate numa tigela.

Com a ajuda de duas colheres (uso colheres de sobremesa, maiores que as de chá e mais pequenas que as de sopa), moldar bolinhas com a massa de chocolate e de seguida passá-las pelo granulado da tigela. Pode até fazê-las saltitar um pouco para que se vão cobrindo com o tal granulado e no fim molde melhor as bolinhas com as suas mãos.  Têm que ficar bem cobertinhos com o granulado.

Colocar cada brigadeiro numa caixinha de papel.

Espero que gostem!

Autoria e outros dados (tags, etc)

por Bom Garfo

Bons Garfos que me visitaram

Hit Counters
HTML Hit Counter


Mais sobre mim

foto do autor


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Pesquisar

Pesquisar no Blog  

Top blogs de receitas


Bons Garfos que fiz

  •  
  • APRESENTAÇÃO DA MINHA COZINHA...

  •  
  • Bolos

  •  
  • Bolos de tabuleiro

  •  
  • Doces de colher

  •  
  • Outros Doces

  •  
  • Quiches & Similares

  •  
  • Saladas

  •  
  • Entradas & Petiscos

  •  
  • Sopas

  •  
  • Carnes

  •  
  • Peixes

  •  
  • Mariscos

  •  
  • Moluscos

  •  
  • Outros pratos

  •  
  •  
  • Acompanhamentos

  •  
  • Receitas + saudáveis (menos calóricas)

  •  
  • Idéias Rápidas

  •  
  • Sugestões de decoração

  •  
  • Curiosidades sobre...

  •  
  • Para meter o garfo e a colher...

  •  
  •  
  •  
  •  
  • OUTRAS COZINHAS QUE VISITO

  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  • MAIS SOBRE MIM (PINTURA)



    Bons garfos cá por casa


    My Stick Family from WiddlyTinks.com